Desenvolvimento de competências pessoais e sociais nos alunos

Os défices de competências sociais estão relacionados com um conjunto de fatores que colocam o aluno em risco de insucesso académico e social, ou seja, as crianças e os jovens que apresentam défices de adaptação quer na relação com os adultos (docentes e/ou não docentes), quer na relação com os pares, correm maior risco de experimentarem problemas académicos, sociais e emocionais, sendo comum associarem ao insucesso escolar problemas ao nível do comportamento.

Considerando que para muitas crianças e jovens, o sistema educativo representa o primeiro e o mais importante contexto social para além da família, pelo que a escola assume um papel determinante na garantia de igualdade de oportunidades, criando ambientes potenciadores de desenvolvimento para aqueles cujos contextos familiares se apresentem menos favoráveis, torna-se essencial a realização de ações/projetos de desenvolvimento de competências pessoais e sociais como estratégia de melhoria da capacidade de integração, adaptação e sucesso, dirigidas transversalmente a alunos desde a educação pré-escolar até ao ensino secundário.